A NOSSA HISTÓRIA

A MARCA

A Bolina nasceu em 2021, em pleno confinamento, na Praia de Moledo, durante o período em que todos fomos obrigados a parar, refletir e valorizar as coisas simples da vida.

A arte de bolinar ou “Navegar à Bolina” é uma técnica desenvolvida pelos navegadores portugueses no Séc. XV, que permite navegar contra o vento, aproveitando a sua energia para progredir e avançar.

Tal como eles, decidimos tirar partido dos ventos, ainda que não fossem de feição, para criar um novo projeto assente na ousadia e resiliência, que tanto nos caracterizam enquanto povo.

Assim, pegamos em diversos produtos tradicionais portugueses e procuramos dar-lhes uma nova vida, tornando-os em produtos utilitários e versáteis, que permitam valorizar os momentos de convívio em comunhão com a natureza e amigos.

 

_DSC7652.ARW
05d9ab2c-03eb-4ed2-a8e6-0b4fadbe537b.jpg

O PROCESSO

Na bolina valorizamos os processos de base artesanal e sustentável, feitos em Portugal e inspirados na nossa tradição e memória. Por isso,  optamos pela produção nacional, recorrendo a pequenas unidades fabris, de forma a assegurar a criação de produtos únicos e originais, que reflitam aquilo que melhor sabemos fazer.

S U S T E N T A B I L I D A D E 

Na bolina acreditamos e trabalhamos, todos os dias, para um planeta mais limpo e sustentável, quer do ponto de vista ambiental quer do ponto de vista económico. 

Todos os nossos produtos são fabricados em pequenas unidades fabris, recorrendo maioritariamente a materiais em fim de ciclo (dead-stocks), sobras ou desperdícios da indústria têxtil ou a produtos com o mínimo de impacto ambiental. 

Procuramos igualmente que os nossos fornecedores e fabricantes estejam numa zona geográfica próxima, de forma a, por um lado diminuir o consumo de combustíveis nas deslocações e, por outro, permitir que trabalhem entre si, obtendo assim importantes sinergias e promovendo uma verdadeira economia circular.

Na génese da bolina está o gosto e a preocupação pelo elemento natural, pelo meio ambiente, procurando, em cada produto, descobrir (ou reinventar) soluções que permitam, nas diversas condições climatéricas, usufruir de um melhor e maior contacto com a natureza.

Bolina_27.03.2022-16.jpg